quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Os MEUS piores de 2009

Atendendo a pedidos no post anterior (bem, na verdade foi UM pedido só...), e enquanto não bate a inspiração para voltar a escrever sobre cinema bagaceiro em geral, deixo aqui uma pequena seleção dos filmes que eu menos gostei em 2009. Alguns são confirmadinhos da crítica e do público, que certamente vão gerar certa "discutissão" nos comentários; outros são quase desconhecidos da maioria ou produções que todos concordam que são umas bombas, tipo o novo filme do Rob Zombie (igual a todos os outros que ele fez, por sinal).

Alguns da lista podem até não ser necessariamente ruins, mas apenas decepcionantes - principalmente se considerarmos a quantidade de elogios maravilhados que receberam. É o caso do "Milk", por exemplo, que achei uma obra extremamente convencional, quase um telefilme, e que de maneira alguma merecia os dois Oscars que ganhou (o de Melhor Ator foi roubado do Mickey Rourke, e o de Melhor Roteiro, para um roteiro primário e repleto de furos como o deste filme, é um absurdo!).

Bem, chega de explicações. Eis os MEUS piores do ano (em ordem alfabética, não de ruindade), e divirtam-se reclamando e me mandando à merda nos comentários:


APENAS O FIM (2008, Brasil. Dir: Matheus Souza)
Conversa nerd de 80 minutos + "hype" exagerado e injustificado + "A salvação do cinema nacional" e outra tonelada de abobrinhas escritas pela imprensa = Um longa enrolado que podia ser um belo curta.




BRÜNO (idem, 2009, EUA. Dir: Larry Charles)
"Borat" - novidade de "Borat" - criatividade de "Borat" - boas piadas de "Borat" + apelação = Uma refilmagem ruim de "Borat"




O CURIOSO CASO DE BENJAMIN BUTTON (The Curious Case of Benjamin Button, 2008, EUA. Dir: David Fincher)
"Forrest Gump" + conto curto alongado para 2h40min - maquiagem excelente - história do relógio que anda para trás = Filme de uma situação só que se arrasta de forma interminável




OS DESCENDENTES (Solos, 2009, Chile. Dir: Jorge Olguín)
"Extermínio" + "Filhos da Esperança" + montagem absurda que repete cada cena 3 vezes = 74 minutos que parecem 5 horas




EVIL THINGS (idem, 2009, EUA. Dir: Dominic Perez)
"A Bruxa de Blair" - talento - medo - suspense + 94 minutos de tédio = Alguém ainda agüenta essas falsas filmagens reais depois de "A Bruxa de Blair", "REC", "Cloverfeld", "Diário dos Mortos"...




EVOCANDO ESPÍRITOS (The Haunting in Connecticut, 2009, EUA. Dir: Peter Cornwell)
"Os Outros" + "Poltergeist" + "Amityville 2" + sustos TCHARAM! + Virginia Madsen e Martin Donovan pagando mico = A enésima tentativa frustrada do cinemão americano de copiar o cinema de horror oriental




O FIM DA PICADA (2008, Brasil. Dir: Christian Saghaard)
Folclore e misticismo nacional + cenas desconexas + ritmo titubeante = Cinema Marginal com 30 anos de atraso




HALLOWEEN 2 (idem, 2009, EUA. Dir: Rob Zombie)
Michael Myers sósia do Rob Zombie + Laurie Strode metaleira revoltada + Dr. Loomis estrelinha + cavalo branco + um final que destrói a franquia original + as "Robzombices" de sempre = Sim, Rob Zombie só sabe refazer o mesmo filme sempre, e sempre, e sempre...




MILK - A VOZ DA IGUALDADE (Milk, 2008, EUA. Dir: Gus Van Sant)
Atuações estereotipadas + roteiro primário + todos os clichês de "filmes sobre homossexualidade" = O quê? Dois Oscars para isso?




PACTO SECRETO (Sorority Row, 2009, EUA. Dir: Stewart Hendler)
"Eu Sei o que Vocês Fizeram no Verão Passado" + assassino com chave-de-roda (!!!) como arma + piadinhas fora de lugar = Que saudade dos slashers toscos dos anos 80!




REBOBINE POR FAVOR (Be Kind Rewind, 2008, Inglaterra/França. Dir: Michel Gondry)
Cineasta queridinho da crítica + Jack Black sem um pingo de graça - algumas divertidas recriações de filmes conhecidos = "Comédia" de risos amarelos que não encontra nenhum público




SALVE GERAL (2009, Brasil. Dir: Sérgio Rezende)
Clichês de polícia contra bandido + episódio real mal-aproveitado + "Crash - No Limite" = Outro para a grande coleção de fiascos brasileiros indicados para o Oscar




THE SPIRIT (idem, 2008, EUA. Dir: Frank Miller)
"Sin City" + Samuel L. Jackson fora de controle + elenco de gatas desperdiçado + humor absurdo + herói apagado = Sorte que Will Eisner morreu e não viu isso...




VIAJO PORQUE PRECISO, VOLTO PORQUE TE AMO (2009, Brasil. Dir: Marcelo Gomes e Karim Ainouz)
Cenas aleatórias costuradas ao acaso + chatíssima narração em off + coleção de metáforas e alegorias "cinema-novistas" = Masturbação pseudo-intelectual para pseudo-intelectuais punheteiros




MENÇÃO DESONROSA:
* O EXTERMINADOR DO FUTURO - A SALVAÇÃO (Terminator Salvation, 2009, EUA. Dir: McG)
* MINHAS ADORÁVEIS EX-NAMORADAS (Ghosts of Girlfriends Past, 2009, EUA. Dir: Mark Waters)
* JOGOS MORTAIS 5 (Saw 5, 2008, EUA. Dir: David Hackl)
* QUASE IRMÃOS (Step Brothers, 2008, EUA. Dir: Adam McKay)
* LAID TO REST (idem, 2009, EUA. Dir: Robert Hall)
* UMA VIAGEM MUITO LOUCA (Harold & Kumar Escape from Guantanamo Bay, 2008, EUA. Dir: Hayden Schlossberg e Jon Hurwitz)
* LO SINIESTRO (idem, 2009, Argentina. Dir: Sergio Mazurek)
* PROGRAMA ANIMAL (Strange Wilderness, 2008, EUA. Dir: Fred Wold)

54 comentários:

João Pires disse...

Ahh.. eu gostei bastante do Rebobine por Favor...este eu não entendi o pq...

Entendo que não tenha gostado do Evocando os Espíritos, embora acho exagero ele estar entre os piores, assim como Button e Salve Geral...

Mas gosto é gosto...

Abs

Allan Verissimo disse...

BRUNO é um filme ruim, mas você tem que admitir que tem os seus bons momentos, como a entrevista do Bruno com os pais de crianças pequenas.

Agora, eu não entendi uma coisa: você ficou falando o ano inteiro de que ARRASTA-ME PARA O INFERNO foi uma grande decepção para o senhor e não o colocou na lista?

João Pires disse...

Allan...

Acho que só pq foi uma decepção não quer dizer que esteja entre os piores...

Felipe M. Guerra disse...

De fato, conforme já observou o JOÃO, Arraste-me Para o Inferno foi uma decepção perto do que eu esperava - mas tenho que assumir que o filme é bonzinho, sim.

Allan Verissimo disse...

Felipe, em O Curioso Caso de Benjamin Button, você esqueceu de colocar "- hilárias cenas do velhinho se lembrando das vezes em que foi atingido por um raio".

Matheus Ferraz disse...

Valeu pelo aviso sobre o "Viajo porque preciso...", já que este é o filme de abertura da mostra de Tiradentes. Agora que eu sei o nível da coisa, economizo um dia de hospedagem.

Ednilson disse...

Concordo com todos da lista, com exceção de BRÜNO... Apelativo? Sim! Escrachado? Também... Mas é extremamente crítico e mostra a realidade de forma exagerada e debochada. Claro que ele não é tudo isso e nem merecia prêmios... A direção do filme é ridícula, mas o vejo mais como um filme corajoso que merece um POUQUINHO de respeito (e não risadas e elogios).

João disse...

"Michael Myers sósia do Rob Zombie + Laurie Strode metaleira revoltada + Dr. Loomis estrelinha + cavalo branco + um final que destrói a franquia original + as "Robzombices" de sempre = Sim, Rob Zombie só sabe refazer o mesmo filme sempre, e sempre, e sempre..."

É isso mesmo,rs.

João Daniel disse...

Por sinal, aqui vai o link do texto que fiz sobre o Halloween II:

http://aultimasessao.blogspot.com/2010/01/halloween-ii.html

Allan Verissimo disse...

Felipe, boas e más noticias para você: por um lado, o mediocre SALVE GERAL ficou de fora dos semifinalistas do Oscar de Filme Estrangeiro. Por outro lado, MAU DIA PARA PESCAR também ficou de fora...

BLOB disse...

Por um acaso alguém viu aí "Land of the Lost", a versão 2009 para o cinema da antiga série "Elo Perdido" e estrelado pelo Will Ferrell? Caralho, esse sim é um dos piores filmes do ano!!!!!!!!!

Pedro Pereira disse...

Eu vi. Uma grande merda de filme!
Nesta lista revejo-me parcialmente, mas acrescentava o blockbuster "2012". Bosta do ano!

Felipe M. Guerra disse...

PEDRO, eu boicotei vários filmes com "potencial explosivo" do ano passado propositalmente, pois ando em tempos de pouca paciência, pouco dinheiro e pouco tempo para gastar com bobagem. Alguns provavelmente ganharão sua segunda chance dentro de uns anos; outros deverão ficar boicotados pelo resto da vida. Entre os filmes de 2009 que "não vi e não gostei" estão 2012, AVATAR, STAR TREK, ANTICRISTO, WOLVERINE, A MULHER INVISÍVEL, JEAN CHARLES, LUA NOVA...

L.F. Riesemberg disse...

Por estar sempre atento (e por ter desenvolvido grande sensibilidade fílmica), evitei a maioria destes tíulos. Porém, também caí na armadilha de Rebobine Por Favor. Filme muito chato, que me fez pensar que o Gondry é mais um impostor que teve sorte no início da carreira e agora tem se mostrado um cara cada vez mais chato. Filme chato da porra! Não faz rir quando é para fazer rir e não faz chorar quando tenta imitar Cinema Paradiso. As únicas cenas que valem a pena (das filmagens) passam tão rápido que nem dá para sentir o gosto.

Felipe M. Guerra disse...

LUIZ, concordo plenammente com você. E o filme nunca se decide entre ser comédia bobalhona (tipo a cena do mijo magnético) ou "filme cabeça", fica pulando toda hora de uma coisa para a outra, e é por isso que eu escrevi que não encontra seu público - quer ser inteligente e idiota ao mesmo tempo. Ah, e o Jack Black cada vez mais vai se revelando um tremendo mala sem alça, especialmente nesse filme e no Trovão Tropical.

João Pires disse...

Felipe,

Este fundamento de não vi e não gostei pode ser meio furado, já que vc gostou do filme do Visionário... se não tivesse visto, com certeza vc diria que não vi e não gostei.

E vc tem medo de ver Anticristo e coragem de ver Spirit...não ouvi dizer que ninguém tenha gostado deste último e mesmo sendo fã do personagem, o trailer já entregava que seria a bomba do ano...

sem falar no seu lado masoquista, que insiste em ver os novos filmes da série Halloween mais de uma vez...

Felipe M. Guerra disse...

JOÃO, eu sei que o fundamento é meio furado, mas vai da questão do gosto pessoal e do livre arbítrio do ser humano (hahaha), mesmos motivos pelos quais nunca vi nenhum "Jurassic Park" ou "Piratas do Caribe": simplesmente porque EU NÃO QUERO! Até porque eu não sou crítico de cinema, logo não tenho obrigação de ver todas as merdas lançadas por ano! hehehe.

Em tempo, eu vi The Spirit porque gosto muito do personagem e gostava muito do Frank Miller, e não vi Anticristo porque odeio o diretor LVT e tudo que ele faz/representa. Pode até ser o melhor filme de terror da história, mas eu com certeza vou assistir de nariz torcido e fazendo força para não gostar só porque é desse diretor que eu acho um medíocre, e por isso prefiro nem ver.

Os outros filmes da relação não foram vistos mais ou menos pelo mesmo critério: AVATAR eu não gostei do trailer nem da babação de ovo em relação à revolução do cinema (disseram a mesma coisa do Capitão Sky, que eu só fui ver este ano e achei bem fraquinho); STAR TREK, nunca fui fã e não vai ser agora que vou virar; 2012, as cenas boas devem estar todas no trailer, etc etc etc...

Acho que ninguém é obrigado a ver todos os filmes existentes, ainda mais quando você não se sente atraído por eles. É como argumentei no caso Crepúsculo/Lua Nova, que eu jamais pretendo ver: não preciso assistir um pornô gay para saber que não faz o meu estilo e que eu não vou gostar!

Vagno Fernandes disse...

ahahahaha. Valeu mesmo Guerra, vou ler as "análises" com calma, depois volto pra comentar.

Thomas Alex disse...

Contrariando o IBAMA, o técnico Dunga e o dono do blog que achou isso uma vergonha, até que consegui gostar do 1°Halloween do Zombie, esse segundo ainda não assisti, então não posso opinar(tá disponivel o 2°Halloween do Zombie?), assim que assisti-lo deixo minha opinião.
Sugestão:Assista ao filme Segurança Nacional - A Ameaça.

Felipe M. Guerra disse...

Ô cara, pára de falar nesse filme a cada comentário que faz, senão ele vai entrar automaticamente na minha lista de boicote de 2010!!! ;-)

Não sei quem falou que esse tipo de propaganda viral funciona, mas eu, pelo menos, sou imune ao troço, então nem adianta perder tempo.

João Pires disse...

Felipe, acho que vc não vê Lua Nova com medo de gostar... KKKKKK

Brincadeira...
Tb não gosto de babação de ovo. Normalmente os fãs do cinema de horror idolatram Romero, Raimi e Peter Jackson...
Eu já acho os três bem medianos...

Mas não nego que meio que idolatro Kubrick e Hitchcock... gosto de quase tudo o que vejo dos caras, assim como do Tarantino...

E acho que vc devia ver Segurança Nacional...este filme é aquele dirigido pelo cineasta de Old Boy??

Allan Veríssimo disse...

O novo filme do Peter Jackson, Um Olhar do Paraíso, foi apedrejado pela critica do mundo inteiro, nem os fãs de Jackson gostaram.

A minha ultima salvação é se o Felipe ver o filme e disser que gostou.

Allan Veríssimo disse...

Por sinal, Felipe, reparou que há um filme do Larry Charles na sua lista dos melhores de 2009, e outro filme do mesmo diretor na sua lista dos piores? Não deixa de ser curioso...

Vagno Fernandes disse...

É, até que a lista ficou bem equilibrada. Acho que a discórdia mesmo são com os "Não vi e não gostei" e com os "boicotados", ahahaha. Mas concordo com você, cada um tem sua postura, opinião é opinião, tem colegas meus que não viram nada demais em Bastardos e acharam Distrito 9 um lixo. Fazer o quê. Mas tudo bem, 2010 tá aí e eu tô apostando em O Lobisomem e Predators. E tem também Machete do Robert Rodriguez porra! É isso aí.

Thomas Alex disse...

Ok, Felipe parei, o filme Halloween 2 se encontra disponivel aqui no Brasil ou vou ter-que ripa-lo da net ou importar ele e gastar uma nota com taxa de importação e frete e essas coisas?

Allan Veríssimo disse...

Thomas, de acordo com o IMDB, Halloween 2 vai chegar nos cinemas brasileiros em 5 de fevereiro. Mas, em se tratando da Playarte, nunca se sabe...

Matheus Ferraz disse...

Eu baixei H2, mas fiquei aliviado porque o arquivo não funcionava.

Em vez disso fui assistir Sherlock Holmes pronto para odiar, e acabei adorando.

Thomas Alex disse...

Valeu, Allan, pelo visto vou ter-que esperar bastante.
ainda não vi o AVATAR, mas não gostei daqueles "SMARFS" super desenvolvidos e cornos, acho que o James "Camarrão" fez foi mais uma cagada enfeitada.Vi Wolverine e gostei, só faltou sangue e um pouco mais de violência.Já 2012 eu não sei se quero olhar, mais por causa do "Rola" Emerich que eu acho uma cara muito repetitivo e não vou com as fuças dele desde que ele conseguiu a proeza de estragar o Godzilla naquele filme de 1998.

Thomas Alex disse...

P.S:Não vi e não gostei de Sherlock Holmes, acho que o "Gay"Ritchie e o Robert "Síndrome de Down" Jr. conseguiram estragar o personagem o transformando no GARRANÃO da Era Vitoriana e ao mesmo tempo num Homssexual, já que essa duas bestas quadradas foram a um program de TV nos EUA e falar bobagem de SH era gay e quase perderam o direito de fazerem uma cópia já que deixarm "P" da vida Andrea Plunket, atual detentora dos direitos do personagem de Arthur Conan Doyle.
O que causou a polêmica foi um trecho em que o ator insinou que Sherlock e seu parceiro Watson viveriam uma relação gay. A brincadeira foi levada adiante pelo diretor Guy Ritchie e não agradou nada a Andrea, que cogitou retirar a permissão para mais filmes.
Espero que tire mesmo o direito deles fazerem mais filmes e achem alguem que leve o trabalho mais a sério.Porque quem mandou esses dois "animais não ficarem quietos!

Matheus Ferraz disse...

Três coisas. Primeiro: não dava mais para fazer Holmes de chapéu de caça e lupa hoje em dia, e eu realmente não aguentaria mais. Não ia com a cara do filme também, mas sinceramente, eu não ia com a cara do Coringa de boca cortada a princípio tampouco. Eu preferi ver um Holmes mais ativo e um Watson mais jovem porque já vi a outra forma demais. Se colocassem Hugh Laurie e Paul Giamatti para estrelar, por exemplo, não seria diferente de todos os filmes feitos desde Basil Rathbone.

Segundo: a tal "insinuação gay" é palhaçada, há tanto conteúdo homoerótico aqui como em qualquer livro do Conan Doyle. Não acredite em todas as informações que vê por aí.

Terceiro: até onde eu saiba, Sherlock Holmes está em domínio público.

Rodrigo disse...

Esse Laid to Rest é mesmo uma bosta, uma hora e meia jogada fora.

Ednilson disse...

Thomas, segue o link do HALLOWEEN 2 (legendado):

http://uploading.com/files/b437fm91/By_Max-Pc_www.therebels.biz_Halloween.2_DVDRip_H264_FastGroup.avi.html


A qualidade da imagem está muito boa... pode baixar.

Matusalix disse...

Concordo com o Matheus e com o Thomaz, ao mesmo tempo, sobre o SH...
Não gostei da releitura do personagem, mas gostei do Watson em si. Guy Ritchie havia comentado que pretendia mostrar um Holmes mais jovem e despojado mesmo(Hugh Laurie seria engraçado!).
A ambientação e todo o resto ficaram legais até. O que mata são as cenas em câmera lenta (apesar de até haver um "motivo" para isso, no caso, as análises que Holmes faz antes dos golpes), mas tenho uma certa aversão a este efeito...

Thomas Alex disse...

Valeu, Ednilson, assim que minha internet estiver melhorada eu baixo.E concordo com oque o Matusalix falou sobre Sherlock Holmes.

Fernando disse...

Programa Animal é tâo absurdo e tosco, que chega a ser engraçado...
Só a cena final já vale o filme, os atores não conseguem segurar e caem no riso...

Vagno Fernandes disse...

Aí não sei se os doidos estão sabendo, Canibal Hollocaust foi lançado oficialmente no Brasil este mês. Vi por R$ 19,90.
Na 2001 Vídeo.

mario jorge disse...

cara q coisa!
pq todo mundo fala mau do rob zombie como diretor ?!
os filmes dele NÃO são tão ruins a esse ponto ,é perseguiçaõ com o cara.
alem disso ele deu 1 novo gás na franquia do michael ,pois o remake dele é o MELHOR filme da serie desde o filme 2 !
eu ainda n vi essa continuação do remake mas aposto q eu vou gostar.

Felipe M. Guerra disse...

MARIO JORGE, quem sofre perseguição é o Uwe Boll, porque 99% dos comentários sobre os filmes dele são feitos na base do "não vi e não gostei".

O Rob Zombie é até pouco perseguido, considerando sua mediocridade como realizador: o cara fez 4 filmes, mas na essência é uma coisa só, ele não consegue contar outro tipo de história e nem escapar de coisas tipo caipiras desbocados cabeludos morando em pocilgas. Quero só ver o que ele vai fazer com "A Bolha Assassina".

Quanto ao Halloween, discordo: qualquer parte da série, mesmo as piores, fica boa depois do Halloween 2 do Rob Zombie.

Thomas Alex disse...

Felipe, eu não vi o segundo Halloween do Zombie, então não posso opinar, mas vi o primeiro e gostei do que vi, não que ele supere o de 1978 que foi escrito e dirigido por John Carpenter, e vou dizer que quando eu li a respeito desse remake em 2007 eu não levava fé no remake, até saber que Zombie se reuniu com John Carpenter para saber as impressões do diretor/roteirista sobre Halloween e Michael Myers. Depois que vi que Zombie foi mesmo atrás do Carpenter que quis saber a opinião dele e que não era essas palhaçadinhas tipo Brian Singer pedir benção a Richard Donner para fazer aquela porcaria de Superman, o Retorno. Quando vi que Zombie queria entender o Carpenter foi que comecei a levar fé. O projeto pra começar com pé direito tem que ser feito por um fã, e Zombie foi um fã que tento conhecer cada idéia de Carpenter a respeito do filme.

Felipe M. Guerra disse...

THOMAS, não sei como foi o encontro entre Zombie e Carpenter, se é que aconteceu mesmo, mas duvido que o velho João tenha dado seu aval à transformação de um vilão que simbolizava o Mal em um delinqüente juvenil com família desfuncional estilo Febem.

A não ser, claro, que a idade tenha deixado o Carpenter meio gagá...

Zombie nunca entendeu Halloween, isso é fato. A estrutura básica da série (o horror nascer de uma criança perfeitamente normal num berço de classe média alta de uma cidadezinha pequena, sem nenhuma explicação ou justificativa para tanta maldade) não combina com o universo sujo e escroto do Zombie. Ele seria muito mais feliz se tivesse refilmado o Last House on the Left, pois este é o território dele - gente feia, suja, desbocada, sadismo e tortura.

Thomas Alex disse...

Hahaha.., essa foi boa Felipe, mas podia ter sido pior(ou melhor, dependendo do ponto de vista), já pensou se fosse o Zé do Caixão a dirigir esse remake, com todas aquelas baratas, aranhas, velhas com cara de macumbeira dando avizos de que a morte está a espreita e todas aquelas loucuras do universo de Zé do Caixão?

mario jorge disse...

Thomas Alex o Zé do Caixão de surpreendeu MUITO cara, com o filme dele "encarnação do demonio" , foi muito foda!!!
pena q o cinema onde eu assisti tinha só eu e + um punhado d senhores .
Felipe Guerra , vc tem razão o Uwe Boll é + perseguido mesmo ahuauhahuhua mas o senhor Boll , na minha opinião faz filmes ruins d forma proposital pra ser um tipo de novo ed wood.
já quando vc diz "o cara fez 4 filmes, mas na essência é uma coisa só" e vc acha q ele n conta outro tipo d historia por falta d capacidade,eu discordo , pois n é falta d capacidade ,É O ESTILO PESSOAL DO CARA.
é o mesmo q vc chegar , sei lah pro tim burton , e reclamar q o cara só faz filmes excentricos com personagens esquisitos.

Felipe M. Guerra disse...

Mas MARIO JORGE, o Tim Burton realmente faz filmes excêntricos com personagens esquisitos, entretanto ele pelo menos tenta contar histórias diferentes. Batman, Os Fantasmas se Divertem, O Planeta dos Macacos e Marte Ataca, para citar só alguns, têm pouco ou nada em comum além da loucura visual e das excentricidades do Burton.

Agora, se você analisar os 4 filmes do Rob Zombie, é a MESMA COISA. Isso para mim não é estilo, é repetição. São os mesmos personagens cabeludos, as mesmas histórias sobre assassinos psicopatas, as mesmas mortes violentas, os mesmos "fucks" a cada três palavras, a mesma sujeira, até os mesmos atores!

O Tarantino, por exemplo, também tem um estilo só seu, mas seus filmes são todos diferentes uns dos outros. Seria muito cômodo para ele fazer vários "Pulp Fictions" com historinhas divertidas e violentas sobre o crime, mas ele partiu para outras histórias. O Zombie, ao meu ver, ainda não mostrou absolutamente nada de diferente.

Thomas Alex disse...

Pois é, MARIO JORGE eu também vi esse filme Encarnação do Demônio do Zé do Caixão em DVD com um amigo meu, e devo dizer que o vivente passou mal e chegou até vomitar na cena em que uma mulher colca a cara dentro de uma panela com mais de 300 baratas dentro.
Pena que o Brasil não da o devido valor que ele merece e olha que o filme dele ganhou todos os premios em que concoreu.

Kurt Breichen disse...

Guerra, só uma curiosidade: por que, exatamente, você detesta o Lars Von Trier? Só curiosidade. Eu também odeio a figura e sua obra - além de não gostar dos filmes, acho o sujeito um hipócrita de proporções épicas.

Fotograma Digital disse...

Felipe , da sua lista concordo com quase tudo, em especial sobre a "nova safra brasileira" e sobre o Von Trier. Eu gostei do Rebobine, mesmo entendendo que ele tem problemas sérios de ritmo. Pra mim ele começa quase parando e quando acelera (nas piadas com as suecadas) ele prefere voltar a lerdeza do começo ... ou seja ele não sabe direito o que quer. Talvez tenha sido essa a idéia do Gondry. Eu também não sou fã de Star Trek, mas vi o remake e me diverti, se pudesse te dar um conselho, diria pra ver mas sem esperar muita coisa. E sem a necessidade de conhecimento prévio da série o que é ótimo. Sobre Avatar, visualmente é impressionante, é tudo muito bonito e tudo mais ... mas ele é uma das maiores coleções de clichês em termos de roteiro. É uma bela aventura escapista e nada mais, e dessa vez, acho que o Cameron não quis ser o "rei do mundo", mas quis só fazer um pipocão.

Fabiano disse...

ô, Felipe, e "Garota Infernal"??? (Sim, aquele da Megan Fox)

Curtiu, nao curtiu? Pensei que ia encontrá-lo citado na sua lista aqui!

João Pires disse...

Vi Garota Infernal ontem.. este realmente é ruim...ô roteirinho fraco...

mario jorge disse...

voltei pra continuar o debate robzombista;)
bem ,Felipe Guerra vc disse q n ve diferença nos filmes do zombie , q "é repetição" ,eu respeito sua opinião cara , mas discordo eu vejo bastante diferença entra os filmes do zombie enquanto "a casa dos 1000 corpos" tem 1 estilo noir/doidão , "rejeitado pelo diabo" é como a propria cinemostro disse,"é uma releitura + realista do filme anterior."
já o halloween pra mim tb é diferente dos filmes anteriores,pois tenta dar + profundida a historia do assassino ,coisa q ele n tinha feito antes em suas estorias.
sei q muita gente gosta do michael myers sem explicação d como ele se tornou sociopata , muita gente gosta do "enigma" q era o michael porém zombie nos oferece + "camadas" em seu novo michael .
vi o halloween2 do zombie ontem ,e n achei ruim n ,achei dispensavel já q no final do filme 1 o cara tinha levado 1 tiro na cabeça mas não ruim e tudo q eu gosto do zombie está lá ,as"robzombices" , a violencia , as homenagens e os mesmos excessos d palavrões ,além d algo novo q são as alucinação dentro da cabeça do michael onde aparecem ele mesmo jovem e a mãe dando uma pitada a + d surrealismo.
a unica coisa q eu REALMENTE NÃO GOSTEI foi o q fizeram com o dr.Loomis , eles F* com o personagem mesmo o ator sendo muito bom.
ps:" garota infernal" É MUITO PIOR q o H2 do zombie.

mario jorge disse...

Thomas Alex ,cara...brasileiro é foda , o zé do caixão é + valorizado no exterior do q aqui , isso eu acho palhaçada.
n é a toa q em dvd o zé do caixão tem filme lançado lá fora do q aqui.
falando serio , eu se fosse o zé já tinha juntado 1 dinherinho e saido do país, acho q se hj em dia ele morasse nos USA teriam bem mais facilidades d fazer filmes q no brasil.

Thomas Alex disse...

Mario Jorge, ouvi boatos que o Zpe do Caixão foi convidado pra atuar como ator em um filme de terror lá no States, não sei se é verdade, mas eu acho que ele deveria dirigir um filme de terror lá fora, com a criatividade dele, ele deixaria muitos filmes de terror feitos ultimamente no chinelo!

Felipe M. Guerra disse...

Sobre o GAROTA INFERNAL, achei um filme legalzinho e nada mais do que isso, mesma coisa que o Arraste-me Para o Inferno. Nem bom o suficiente para ser lembrado com distinção, nem ruim o suficiente para entrar na lista dos piores.

Quanto ao Rob Zombie, cansei de falar nesse sujeito. Quem quiser saber minhas opiniões sobre a sua "obra", que leia meus longos artigos sobre A Casa dos Mil Corpos e Halloween 1 e 2 na Boca do Inferno! hehehe.

mario jorge disse...

Thomas Alex , espero q isso seja serio pois seria maravilhoso! vai lá coffin joe!!!
claro q ajudaria se o zé soubesse falar ingles rsrrsr

felipe M. guerra , ok chega do zombie ....pelo menos até o lançamento da bolha assassina huaauhahhaua

lisangelo disse...

Spirit é inassistivel. Frank Miller deveria ter desistido do cinema ainda no tempo do Robocop 2.